Terapeutas Ocupacionais criticam ausência da categoria em políticas públicas.

foto audiência pública sobre escassez de cursos de Terapia Ocupacional no Brasil
Foto: Lucio Bernardo Jr. / Câmara dos Deputados
Comissão deve convidar a Andife para discutir a possibilidade de abertura de novos cursos nas regiões norte e centro-oeste

Em debate na Comissão de Legislação Participativa nesta quinta-feira (16), terapeutas ocupacionais destacaram a importância da profissão para oferecer maior autonomia equalidade de vida às pessoas com deficiência e sua inserção na sociedade. Eles também criticaram a ausência dos terapeutas em políticas públicas de municípios, estados e União, além dos pouquíssimos cursos superiores na área. Leia mais.

Fonte: http://www.jornalfloripa.com.br/noticia.php?id=13944815